Facebook é uma ferramenta vital para que o cidadão exerça a liberdade de expressão

Um dos expoentes das redes sociais o Facebook sedimenta bilhões de usuários, fazendo o caminho de volta aos assinantes, com mensagens que rendem bilhões a cada mês. Uma fatia deste nicho de mercado pode ser abocanhada pelos titulares das páginas. É um hiper meio para que o cidadão exerça sua liberdade de expressão. O manejo dessas ferramentas disponíveis são as dicas para que isso se concretize. – explica Roberto Monteiro Pinho – Presidente da Associação Nacional e Internacional de Imprensa - ANI

Via: BBCBrasil


iiemd.com

Núcleo ANIBRPress

A maior das redes sociais, o Facebook, está faturando mais do que nunca e a razão desse sucesso não é nenhum segredo: os seus usuários. Em apenas três meses, entre julho e setembro deste ano, a receita do Facebook foi de mais de US$ 7 bilhões (R$ 22 bilhões), segundo a própria empresa.

Em três meses, faturamento do Facebook com espaços publicitários supera PIB de mais de 40 países, segundo o FMI.

O valor supera o Produto Interno Bruto (PIB) de mais de 40 países, de acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI). O número cada vez maior de usuários do Facebook representa novos clientes potenciais de empresas que pagam por espaços publicitários na rede social.

Segundo o portal Statista, especializado em estatísticas e bases de dados, de julho a setembro o Facebook teve 1,79 bilhão de usuários ativos – o que equivale a um quarto da população mundial.

Quanto o Facebook ganha com você?

Se o faturamento trimestral da rede social for dividido pelo número de usuários, chega-se a US$ 4,01 (R$ 12,54) – é o que cada usuário rende em média no período. Se for feita uma projeção anual deste valor, o resultado será US$ 16,04 (R$ 50) – é o que o quanto cada um ajudou o Facebook a ganhar em 12 meses.

Houve um aumento considerável